Archipleago - man sketch_1Archipleago - man sketch_1

Converge / Diverge

ESPAÇOS BIN@PORTO 2016

Dois espaços provocadores e propícios ao networking, partilha, encontro, debate, ideação, lazer e negócios.

A IDEIA.M foi convidada para criar duas áreas exclusivas utilizando cortiça 100% natural para o encontro anual do BIN@Porto 2016, uma comunidade que reúne pessoas, empresas e universidades de Portugal, Reino Unido, Brasil, Polónia, Chile, entre outros países. 

Sob o mote Converge/Diverge, o objetivo foi o de criar dois espaços propício para networking, partilha, encontros, debate, ideias e negócios, visando um usufruto e uma exploração natural e instintiva por parte do público.

Archipelago

A instalação surge como peça central do espaço, convidando à sua utilização e potenciando da melhor forma uma zona, anteriormente, subaproveitada. 

Desenhando uma forma geral com diversos segmentos permite que a peça possa ser facilmente transportada e que possa assumir uma multiplicidade de configurações em torno do módulo principal, tornando o seu uso mais versátil e adaptável a diferentes necessidades. 

Espaço de networking  @ FEUP

 

“Estes espaços, em simultâneo, esculturais e funcionais para networking, partilha e encontro. É importante, para nós, ter as pessoas a utilizá-los.” 

Ring

Uma vez que a localização deste segundo elemento permitia ter a peça numa posição central no espaço de entrada do edifício, cedo se percebeu que esta instalação assumiria uma disposição radial. 

Este posicionamento permitiu que, por um lado, a peça permitisse uma utilização por qualquer dos lados ou faces e, por outro lado, permitiu que as pessoas se reunissem em círculo, com todos os intervenientes dispostos face-a-face. 

 @ UPTEC
 

Estes dois ambientes foram idealizados para servirem de espaços de informais durante o evento internacional BIN@Porto 2016 e para permanecerem instalados nos mesmos locais para eventos futuros.

Desde o início, a equipa da IDEIA.M teve de lidar com dois aspetos determinantes: um relacionado com o material – cortiça 100% natural da Amorim Revestimentos – e, outro, relacionado com os locais das instalações: a entrada do Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC) e a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP).

O design de ambas as peças é da autoria da IDEIA.M, que também assumiu a execução de ambas as peças nas suas instalações, com recurso a tecnologias de maquinação CNC.

Uma série de iterações foi, progressivamente, reduzindo a divergência entre o conceito de elemento escultórico e a experiência última de proporcionar um sentar confortável.

 Um segmento de cada uma das peças foi pintado de branco, criando um contraste visual assumido e ajudando a orientar um discurso ou sugerir um eventual destaque ao moderador de uma pequena reunião.

Após a instalação, foi muito interessante perceber a rapidez e a facilidade com que as pessoas interpretaram o propósito destes objetos, utilizando-os de forma natural e instintiva.